Informatização, mais do que uma necessidade

Segundo a RADIOMEMORY (www.radiomemory.com.br) a informatização de clínicas e consultórios deve ser analizada sobre dois aspectos: Produção e Administração. São dois departamentos com funções e atividades bem distintas. A informatização de uma clínica através de um software adequado facilita a realização de tarefas administrativas. Cabe a administração controlar todos os serviços executados pela clínica, saber quanto se ganhou, quanto se gastou, se a clínica deu lucro, lucro, enfim, fazer o gerenciamento operacional. A Administração se divide de basicamente em duas fases: colocar dados e analisar estatísticas.

Primeiros passos – A maioria das pessoas acha que o primeiro passo é comprar os equipamentos, computadores, impressoras, scanner, etc. Quem age desta forma corre o risco de fazer aquisições inadequadas e comprometer a performance do sistema. Para descobrir quais os equipamentos adequados para cada tipo de clínica é preciso levantar uma série de informações operacionais, tais como:

  • Quem vai cadastrar o paciente?

  • Quantos computadores serão necessários?

  • Será necessário troca de informações entre computadores?

  • Que tipo de impressão serão necessárias com mais frequência?

  • As pessoas que vão usar o software já estão habituadas a trabalhar com computador?

  • Quantos pacientes em média a clínica atende por mês?

Com base nesta última pergunta, você irá identificar suas necessidades reais. Por exemplo: se sua clínica atende apenas 30 pacientes por mês pode não ser necessária a informatização. Por outro lado, se atende dez mil por mês, a informatização deverá ser bastante cuidadosa. Será preciso uma consultoria para saber que tipo de computador será necessário, que tipo de software pode suportar o tamanho volume de informações, etc. As informações da clínica ficam armazenadas em banco de dados, e a velocidade e performance do software de gerenciamento vai depender de como as informações foram armazenadas e do tipo de banco de dados.

O software para o gerenciamento – Para escolher qual o software de gerenciamento de clínica radiológica é mais adequado a sua clínica é preciso primeiramente saber o que exatamente você quer gerenciar.

O que você espera do software? – Que tipos de relatório você pretende obter? Por exemplo:

  • Volume de indicações por clientes ou outros profissionais;

  • Fluxo de caixa e Fechamento de caixa diário;

  • Comparativo de receitas e despesas.

(Trecho do Livro: Gestão de Consultórios – Miguel Boaventura)

Adquira Material Didático para seus Treinamentos:

oliveiraconsult@gmail.com

Anúncios

Comente aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s